Frutos do mar

Bendito fruto! Receitas com frutos do mar.

Lagostim na chapa

24 março, 2014 Frutos do mar, Muito fácil, Petiscos Tags:, , , 1 Comentário

lagostim2

Você gosta de lagostim? Eu gosto um tiquim. Essa iguaria serve de petisco, de entrada, de enfeite pra risoto, e até de sobremesa se deixar. Sem medo de ser feliz.

Até eu, que sou purista, prefiro comprar o lagostim morto e limpo, porque dá um trabalho danado. Mas se você estiver a fim de fazer o processo todo, dá uma olhada neste link.

Desta vez não tem receita, o lance é muito simples. É só aquecer um pouco de azeite numa panela o mais larga e grossa possível, com uma colher de manteiga; acrescentar o alho em lâminas, deixar dourar por 3 minutos; acrescentar os seus maravilhosos lagostins e deixar dourar por mais 3. E só… você crê?

O lance é simples, mas exige destreza. Você tem que deixar o lagostim por tempo suficiente para ele pegar o tempero da manteiga e do alho, mas não pode deixar tempo demais, senão ele endurece e vira uma borrachinha, perdendo a suculência.

Está lançado o desafio! E aí, você anima?

lagostim

Camarão tropical no abacaxi

25 abril, 2013 Exóticas, Frutos do mar Tags:, , , , , 13 Comentários

Camarão que dorme a onda leva é uma das frases mais lânguidas que tem. Pronto, falei. Se você tem alergia a camarão, só lamento: o lixeiro do mar pode ser vermelho, rosa, cinza… mas é sempre uma alegria na vida da gente. Essa versão do camarão tropical no abacaxi é familiar de alguns restaurantes que já fui… então vamos lá!

receita de camarao no abacaxi

600g de camarão limpo (use camarões médios senão não dá pra flambar)
1 abacaxi
1 cebola
500ml de leite
1 colher de manteiga
2 colheres sopa de farinha de trigo
300g de requeijão
4 doses de cointreau
Azeite
Sal e pimenta do reino

dá pra 2 pessoas grandes

Corte o abacaxi ao meio “de comprido”. Remova a polpa com uma faca, com cuidado para preservar a integridade do seu novo contâiner de camarão. Pique um terço do abacaxi em cubos e reserve. O restante, você guarda pra usar com outra coisa.

Refogue a cebola na manteiga, toste a farinha de trigo na mesma panela, acrescente o leite e vá mexendo. Ou seja, faça um molho bechamel. Drrr… Adicione o requeijão no final pra não ser mais um bechamel. Você quer uma consistência cremosa e lisa. Quando isso acontecer, desligue o fogo.

Flambando o camarão tropical

Aqueça uma frigideira grande e coloque um pouco do camarão, já temperado com sal e pimenta do reino. Quando estiver fritando, coloque uma dose de cointreau e deixe o circo pegar fogo! Se precisar, incline a frigideira que o cointreau não vai te decepcionar. Repita o processo até todo o camarão estar flambado, e vá acrescentando-o ao molho que estava descansando. Por último, acrescente aqueles maravilhosos pedaços de abacaxi.

Como servir o camarão no abacaxi

Sirva dentro daquela cumbuca de abacaxi que você criou. Agora, aqui tem um truque importante dado pela Sayonara: leve o seu abacaxi ao forno alta por 15 minutos, ou cozinhe-o em água fervente por 5, porque se não o fizer, ele irá fermentar quando entrar em contato com o leite. Então muita atenção neste passo!

Ah, sugiro um arroz branco básico pra acompanhar… se você tiver no dia da ousadia, então vai de arroz de jasmin que fica ainda mais delírio tropical, arco-íris de prazer!

Gostou da minha receita de camarão tropical no abacaxi? Então dá uma olhada também na Caesar Salad com Camarão e no risoto de camarão rosa!

Camarão empanado

26 outubro, 2010 Frutos do mar, Petiscos Tags:, , , , , , , , 4 Comentários

Inspirado em receita do livro Cook with Jamie

Não é à toa que camarão é um bicho tão badalado. Se você pode comprar alguns de boa qualidade, do tamanho do seu dedo mindinho para maiores de 18 anos, você já descobriu que ele é uma das melhores coisas da vida. De tira-gosto então, é impressionante. Esse prato requer uma boa cerveja e, se for domingo, um futebolzinho rolando na tv. Ê vidão, hein?

1 xícara de farinha de rosca
um punhado de salsinha picada
suco de 2 limões, mais outros 2 pra servir
1 punhado de queijo parmesão ralado
300g de camarões médios (usei o rosa médio)
1 xícara de farinha de trigo
2 ovos
Sal e pimenta-do-reino

rende tiragosto para 4

É bem fácil. Unte uma travessa com óleo e misture nela a farinha de rosca, salsinha, suco de limão e queijo parmesão. Depois, monte dois pratos fundos ao lado: um com farinha de trigo e outro com os 2 ovos ligeiramente batidos.

Daí vem o truque que eu aprendi mas esqueci com quem. Use uma mão para passar os camarões na farinha de trigo; outra mão para passá-los nos ovos; e a mesma primeira mão para passá-los na mistura de farinha de rosca. Assim, cada mão se concentra no que faz melhor, né? E ainda diminui a lambança.

Depois que todos os seus camarões estiverem cobertos pela mistura – é bom cobrir completamente e ainda dar aquela apertadinha na farinha de rosca para formar a crosta – é só levar ao forno médio por cerca de 15 minutos.

Sirva com generosas fatias de limão e uma boa cerveja (recomendo a da foto: Colorado Índica). Eu também fiz umas batatas cozidas-fritas para acompanhar, fazendo meio que um shrimp-and-chips. Mas faça como quiser. Camarão é vida.

Camarão na moranga

13 abril, 2010 Frutos do mar Tags:, , , , 3 Comentários

Inspirado em receita do livro 1000 receitas da culinária brasileira

Vamos nós, de camarão mais uma vez. Mas agora de uma maneira mais… ufanista. Sim, nós brasileiros também sabemos aproveitar muito bem os frutos do mar. Até eu, que não tenho mar, estou aprendendo. Essa receita é aquela que queria ser baiana mas não achou o dendê… ficou ali pelo norte do Espírito Santo, talvez? Teixeira de Freitas, no máximo.

1 moranga média, madura
500g de camarões médios, limpos
3 dentes de alho
200ml de leite de coco
200ml de creme de leite
100g de queijo minas padrão
1 cebola bem picada

Azeite extra-virgem
Sal e pimenta do reino

rende 6 porções

Cozinhe a moranga numa panela com água abundante. Deve ser necessário virar a moranga para cozinhar dos 2 lados. Quando ela estiver bem macia, retire, faça um buraco em volta da parte superior, retire as sementes e escave parte da polpa, até dar uma xícara de polpa mais ou menos.
Bata a polpa no liquidificador, ou amasse com um garfo. Reserve.

Refogue os camarões no azeite com cebola e alho. Coloque uma pitada sal e pimenta. Quando estiverem lindamente cozidos, acrescente o creme de leite e o leite de coco, e em seguida a polpa da moranga. Deixe cozinhar por 10 minutos ou até que engrosse bem.

Enquanto engrossa o molho, use um papel toalha para lambuzar a moranga por fora com óleo de cozinha. Coloque-a numa travessa, e pré-aqueça o forno. Despeje os camarões com o molho dentro da moranga (esperamos que você tenha dado a sorte de caber tudo na medida certa! É sorte, não tem jeito). Acrescente o queijo picado em cubos (esse é um toque pessoal meu, opcional), e leve ao forno por cerca de 15 minutos. O queijo deve derreter, o molho e a moranga devem fazer uma amizade saborosa, e você, quando tirar do forno, vai querer ser meu amigo também. E sirva com arroz branco, que é para evitar excessos.

Switch to desktop version