tag: Filé

Filé com Pesto

14 junho, 2011 Carnes Tags:, , , , , 7 Comentários

Pesto é um molho clássico em minha casa. Se é que posso chamá-lo de molho. É algo provocante, intenso, que prevalece em qualquer prato. O filé acabou sendo uma desculpa para mais pesto. Evidente que nesta foto o pesto é simbólico, porque o proporcional, para mim, é o máximo de pesto possível. Mas vá lá.

1 maço de folhas de manjericão fresco
100g de parmesão ralado fresco
80g de nozes moídas
2 colheres de suco de limão
1 dente de alho
500g de filé mignon
Azeite extra-virgem
Sal e pimenta-do-reino

dá pra 2 pessoas

Defolhe o manjericão e coloque-o em um almofariz com pilão. Pique o dente de alho bem pequeno e soque ambos juntos, até que as folhas se transformem numa pasta. Se tiver nozes inteiras, você pode torrá-las no azeite antes de moê-las. Também pode aqui usar pinóli (que é o correto) ou até outra castanha. Soque tudo novamente no pilão, e depois transfira para um prato fundo, que é onde a mágica acontece. Adicione um pouco de suco de limão, um pouco de parmesão, e vá misturando com carinho, até obter uma pasta consistente, que será embalsamada pelo azeite, que vem logo a seguir, em boa quantidade (pelo menos 5 colheres de sopa). O segredo é o equilíbrio entre os ingredientes, nem azedo, nem apimentado, nem sem-graça. Em verdade, o equilíbrio perfeito é o que você encontra quando achar o seu pesto incrível. Se não ficou incrível, ajuste o que lhe parecer conveniente.

Há quem prefira bater todos os ingredientes num mixer ou liquidificador e juntar o parmesão depois. Eu, como purista, prefiro o bom e velho socadinho no pilão de pedra, acho que preserva mais o sabor e fica mais rústico.

Ah é, tem a carne! Corte na altura que quiser (se há pessoas bem-passadas e mal-passadas, sugiro cortar filés em alturas diferentes, como 2cm para o primeiro e 3cm para o segundo, assim fica pronto junto). Tempere os filés com pimenta-do-reino moída na hora e sal. Coloque os filés em uma frigideira quente, com um fio de azeite. Retire quando lhe convier e deixe os filés descansar numa tábua de madeira por 5 minutos.

Descarregue o pesto sobre os filés, como um caminhão basculante. Sirva com batatas assadas, arroz ou qualquer outro carboidrato coadjuvante.

Filé na manteiga de ervas

6 maio, 2010 Carnes Tags:, , , , , , 0 Comentários

Comi junto com risoto de funghi

Não escondo o meu prazer em comer carne vermelha mal passada, muito menos a minha indignação com quem não compartilha desse gosto. Então, se você ficou com “nojinho” dessa foto maravilhosa acima, com esse filé rosado suculento, tenro, macio, enfim um verdadeiro prazer divino concedido a nós pobres mortais, sinto muito! Há uma enorme diferença entre carne mal-passada e carne crua. Tomara que você a descubra.

1/2 peça de filé mignon ou +- 500g
1 dente de alho, bem picado
2 colheres de sopa de manteiga
1 maço de tomilho fresco
1 maço de alecrim fresco
1/2 maço de orégano fresco
Azeite extra-virgem

Sal e pimenta do reino

rende 4 porções

Cortar o filé na altura certa é importante para que ele cozinhe por dentro sem passar do ponto. Eu diria 2-3 cm de altura é um bom parâmetro. Tempere os dois lados de cada filé com sal e pimenta do reino, se possível moídos na hora (um moedor de sal e um de pimenta do reino são ótimos investimentos; caso você não os tenha, dá uma olhada lá na Look & Cook).

Aqueça azeite numa frigideira, até que fique bem quente. Coloque os filés com cuidado, por 5 minutos de um lado, depois mais 3 minutos do outro, e provavelmente é suficiente. Achar o seu ponto preferido e quanto tempo leva é na base do empirismo. Apenas não deixe a frigideira queimar, senão você não consegue terminar a receita, ok?

Soque as ervas num pilão junto com o alho picado, formando uma espécie de pasta. Sem desligar o fogo, retire os filés e descarte qualquer suco que tenha ficado na frigideira. Acrescente as 2 colheres de sopa de manteiga, e deixe que derreta enquanto se mistura com o gosto que a carne deixou. Assim que derreter, acrescente a pasta de ervas com alho, misture e deixe ferver por 3 minutos. Desligue o fogo e derrame a pasta por cima do filé. Para citar a sábia frase escrita na camisa de um amigo: Meat is murder… tasty murder.

Switch to desktop version