tag: Pão

Bruschetta de tomate e manjericão

27 setembro, 2010 Entradas, Muito fácil Tags:, , , , , , 1 Comentário

As entrées para mim são sempre um dilema. O que servir antes de servir o que você vai servir? O que combina com o menu do dia? A vantagem dessa bruschetta é que não dá trabalho nenhum, aí não atrapalha o andamento do resto da comida. Entradas… pense nelas como preliminares. São importantíssimas, claro! Mas, se você passar da conta, vai acabar ofuscando o prato principal.

O melhor pão italiano novinho que você puder encontrar
1 tomate italiano (andrea ou san marzano)
1 punhado de folhas de manjericão
Azeite extra-virgem

Dá pra 2 forradas de estômago

O pão italiano você compra com carinho, transporta com carinho e coloca no forno por 3 minutinhos logo antes de servir, que é para ele dar aquela amaciada fina. Pique o tomate em cubinhos , misture-o ao manjericão e adicione um pouco de azeite. Deixe misturado por alguns minutos, só para o sabor meio que se misturar. Depois é só cortar o pão inclinado, com todo o cuidado para mantê-lo intacto, distribuir a mistura por cima e… isso aí! Se quiser um queijinho ralado por cima acho que até vale também… questão de estilo.

Risoto de abóbora com farofa de pão

14 julho, 2009 Acompanhamentos Tags:, , , , , , 1 Comentário

Se você é virgem no preparo de risotos, sugiro ler esta outra receita antes, que é mais detalhada. A vontade de comer risoto de abóbora veio do blog da Flavinha Massara, o Cozinha Fácil, cheio de coisas que eu recomendo comer. O que eu fiz foi incorporar a “farofa” de pão com sementes de abóbóra, que só chamo de farofa para não chamar de jacuba.

1 cebola bem picada
1 talo de salsão, picado
2 dentes de alho, picados
200g de arroz arbóreo ou carnaroli

1 tablete de caldo de legumes

100ml de vermouth ou vinho branco
50g de parmesão ralado fresco
1/4 de abóbora moranga sem casca cortada em cubos, e separe as sementes
1 pão de sal velho ou dormido
1 colher de sopa de manteiga
4 colheres de azeite extra-virgem

Sal e pimenta do reino

rende 4 porções

Coloque para ferver 1 litro de água, com o cubo de caldo de legumes. Mantenha essa água no fogo brando, pois você vai precisar dela quente. Quando for cortar a abóbora, separe as sementes, lave-as bem e deixe secar ao sol, se puder.

Aqueça o azeite na panela, e frite a cebola até que fique transparente. Adicione o salsão, doure mais um pouco e em seguida adicione o alho. Adicione o arroz e vá mexendo, até que ele frite um bocado. Adicione mais azeite, se necessário.

Adicione o vermouth. Deixe secar, mexendo sempre, e a partir de agora cumpra o ritual do risoto: cubra o arroz com água da fervura, mexendo sempre para não grudar. É a hora de acrescentar a abóbora em cubos. Quando começar a secar, jogue mais água da fervura. E vai assim, até o arroz ficar cozido, mas ainda bem firme. Ajuste o sal.

Desligue o fogo. Coloque a manteiga, e mexa bem, até que ela derreta. Depois, o parmesão ralado, e mexa bem de novo. Dependendo da panela, fica legal jogar parmesão por cima no final, para dar uma crostinha de queijo. Deixe descansar por uns 5 minutos antes de servir.

Enquanto o risoto descansa, faça a farofa de pão. Corte o pão em cubos pequenos, com cuidado para não amassá-lo muito e perder o volume. Aqueça uma frigideira com um pouco de azeite, e acrescente primeiro as sementes de abóbora, já lavadas e secas. Deixe-as fritar bastante, a idéia é que fiquem crocantes mesmo. Jogue uma pitada de sal, e acrescente os pedaços de pão. Um pouco mais de azeite será necessário para fritar o pão, e com muito cuidado, pois queima fácil.

Sirva o risoto com a farofa de pão e sementes de abóbora por cima. A idéia é que elas dêem uma salgadinha, que vai equilibrar o sabor adocicado da abóbora. Manda ver.

Hambúrguer do Elvis – e do Jamie Oliver

14 maio, 2009 Carnes, Comida americana, Lanches, Muito fácil Tags:, , , , , , 0 Comentários

hamburguer cheeseburguer

Mais uma receita do Elvis, quer dizer do Jamie Oliver, desta vez das mais básicas. É divertido fazer hambúrguer caseiro, você pode incrementar como quiser: bacon, ovo, picles, cebola, ou até um tom mais tropical, com abacaxi, banana… have it your way!

500g de fraldinha limpa moída
1 cebola roxa bem picada
Azeite de oliva
½ colher de chá de sementes de cominho
1 colher de sopa de sementes de coentro
1 pitada de sal
1 colher de chá de pimenta-do-reino moída
1 punhado de queijo parmesão ralado
1 colher de sopa bem cheia de mostarda Dijon
1 ovo caipira
120g de farinha de rosca
1 xícara de óleo de cozinha
Papel manteiga
Pão de hambúrguer
Algumas fatias de queijo à sua escolha (fiz com mussarella mesmo)
Algumas folhas de alface americana
2 tomates maçã (ou tomates normais grandes)
O que você quiser colocar

Rende 6 hambúrgueres

Se você tem um processador, compre a carne, limpe as gorduras, pique em cubos grandes e processe você mesmo. Senão, compre moído – peça ao açogueiro para limpar a peça antes, moer separado e adicionar apenas 30% do peso em gordura.

Frite a cebola no azeite até que ela fique macia, junte-a à carne. Junte também os temperos já socados num pilão, o parmesão, a mostarda, o ovo e metade da farinha de rosca.

Agora é a parte legal: abra uma folha de papel manteiga, jogue um pouco de farinha de rosca, molde os hambúrgueres e vá dispondo-os por cima. Faça os hambúrgueres como quiser: altos, finos, gigantes… você é quem manda. Claro, no final das contas é preciso fechar o hambúrguer entre os pães, então não exagere… muito.

Coloque os hambúrgueres moldados na geladeira por cerca de 1 hora, para que ganhem consistência. A seguir, frite-os no óleo já quente. Eu gosto de, no último minuto, colocar o queijo por cima do hambúrguer e tampar a panela, só até que ele derreta. Depois, toste rapidamente o pão na mesma frigideira, para dar uma consistência mais legal.

Monte o seu hambúrguer, escolha um bom ketchup, mostarda, maionese, molho especial… qualquer coisa… mais algumas batatinhas para completar… e é só morder.

Baseado em receita do site www.jamieoliver.com
Switch to desktop version